Sexta-feira, 25 de Junho de 2021

3,6 ME para melhorar gestão dos terrenos baldios

O Governo lançou em Vila Pouca de Aguiar um programa piloto no valor de 3,6 milhões de euros que vai criar 20 Agrupamentos de Baldios em 15 áreas prioritárias. 

-PUB-

O primeiro-ministro, António Costa, esteve na sessão, onde sublinhou a importância deste programa para valorizar a floresta e prevenir os incêndios florestais. “Os baldios são uma realidade que não podia ser ignorada e este programa vai ajudar a criar melhores condições para o aproveitamento de um bem (florestas) que é de todos”.

O chefe do executivo disse ainda que o Governo definiu a floresta como “um alvo prioritário”, com uma vasta reforma com vista a prevenção de catástrofes como aquelas que assistimos nos últimos anos. Para isso, “criou condições para que os proprietários possam cuidar, investir, manter e possam valorizar este bem comum que é a floresta”. 

O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, explicou que os 3,6 milhões de euros vão ser atribuídos a duas federações de Baldios, que fazem a gestão de 500 mil hectares de terrenos baldios. “Tratam-se de terrenos que são geridos pelas comunidades locais, em que se pretende

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.