Sábado, 16 de Outubro de 2021

Arranque da segunda fase do Complexo Desportivo

Foi dado mais um passo para a concretização do maior investimento de sempre no concelho, em termos de equipamentos desportivos. Na segunda-feira foi assinada a consignação dos acessos e infra--estruturas de apoio ao Complexo Desportivo de Vila Pouca de Aguiar, um conjunto de trabalhos cujo investimento ronda os 600 mil euros

-PUB-

“Era a parte final que faltava da consignação de todo o empreendimento. Cerca de 60 por cento da obra está concluída e esperamos que esteja finalizada em Junho do próximo ano, na altura da realização das Festas da Vila”. Esta foi a expectativa deixada pelo presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, Domingos Dias, após o acto formal da assinatura.

O autarca aproveitou para deixar uma espécie de desafio e, ao mesmo tempo, um estímulo para as colectividades e comunidade local. “Entendemos que o papel das autarquias e do Estado não é dar subsídios, criando uma espécie de associações que só funcionam em subsídio/dependência. É antes criar infra-estruturas capazes para que a comunidade e associações as possam utilizar. Por isso, estamos precisamente a construir uma infra-estrutura deste nível, de significativa dimensão, esperando que a nossa comunidade possa tirar o maior proveito”.

Este espaço vai ter um novo dinamismo intergeracional e multi-desportivo. Desde as crianças até aos seniores, todos terão possibilidades de praticar diversas actividades, desde o futebol, ao ténis, à equitação, ao atletismo, entre outras.

Também a componente de saúde faz parte das valências do Complexo Desportivo Municipal de Vila Pouca de Aguiar. “A nossa grande preocupação é criar condições ainda melhores a nível de desporto e de lazer, que hoje está muito em voga, com a manutenção da saúde física”.

O Estado comparticipou esta obra com um contrato programa de 700 mil euros. “A outra parte, sensivelmente metade, já tinha sido utilizada”, observou Domingos Dias, sublinhando que “este empreendimento resulta maioritariamente de uma parceria público-privada, através do pagamento diferido no tempo, para não comprometer o futuro da autarquia”.

A consignação assinada diz respeito a obras de saneamento, muros de suporte, estacionamentos e acessos, e ainda a parte que vai servir também para a ciclovia. Este equipamento desportivo municipal insere dois campos de futebol (um sintético e outro com relva natural), pista de atletismo, pista equestre, balneários, ginásio, parque infantil, entre outros espaços.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.