Segunda-feira, 4 de Julho de 2022

“Bruxas” esperam mais de 300 “motards”, em Constantim

Pelo terceiro ano consecutivo, o Moto Clube “Bruxas”, de Constantim, vai realizar, no Estádio do Cruzeiro, uma concentração “motard” que espera receber mais de 300 “amantes das duas rodas”, de todo o país. “No ano passado, tivemos cerca de 300 participantes. Este ano, gostávamos de superar esse número”, explicou Beto Barros, da organização da concentração […]

Pelo terceiro ano consecutivo, o Moto Clube “Bruxas”, de Constantim, vai realizar, no Estádio do Cruzeiro, uma concentração “motard” que espera receber mais de 300 “amantes das duas rodas”, de todo o país.

“No ano passado, tivemos cerca de 300 participantes. Este ano, gostávamos de superar esse número”, explicou Beto Barros, da organização da concentração “motard” que começa amanhã, com um concerto de bandas de garagem, esperando reunir cerca de meio milhar de pessoas, entre “motards”, acompanhantes, convidados e população, em geral.

O dia 21 vai começar com uma Missa, seguida da recepção e inscrição dos participantes que poderão, ainda, participar em vários jogos populares, realizados no início da tarde.

Do programa do encontro, a organização destacou a demonstração de “freestyle” de Ronaldo Freitas, Vice-Campeão Nacional, a qual se vai realizar, às 16.30 e às 21.30 horas de Sábado, na Zona Industrial de Vila Real.

Pelas 17.30 horas, as dezenas de “motards” vão dar início a um passeio pela cidade, seguido da bênção dos capacetes e de um jantar de convívio, entre os participantes, o qual contará com a actuação do grupo “k3ó4”.

À noite, os “motards” voltam a desfilar, desta vez apenas pela freguesia de Constantim, num passeio com tochas que terminará com a actuação do mesmo grupo musical.

Segundo Beto Barros, a organização da concentração começou pela iniciativa de um grupo de amigos que, actualmente, se intitula Moto Clube “Bruxas” e que tem como objectivo, em breve, formalizar este grupo “motard”.

 

MM

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.