Sábado, 18 de Setembro de 2021
©DR

Centro Qualifica em São João da Pesqueira

A criação de uma rede de centros especializados em qualificação de adultos tem vindo a ser uma prioridade nacional, os quais têm como objetivo central melhorar os níveis de educação e formação. 

-PUB-

O concelho de S. João da Pesqueira dispõe de um Centro Qualifica Asdouro/Esprodouro, que pretende assumir um papel estruturante na região, atuando neste momento em 16 concelhos (Alijó, Armamar, Carrazeda de Ansiães, Figueira de Castelo Rodrigo, Freixo de Espada à Cinta, Mêda, Murça, Penedono, S. João da Pesqueira, Sernancelhe, Tabuaço, Tarouca, Torre de Moncorvo, Trancoso, Vila Flor e Vila Nova de Foz Côa), no reforço da qualificação escolar e profissional dos cidadãos, contribuindo para a sua empregabilidade e inclusão social.

De igual forma, “tem vindo a apostar na mobilização de adultos e também de jovens inativos que pretendam integrar percursos de qualificação, incorporando como premissa fundamental a importância e valorização da aprendizagem ao longo da vida”.

O Centro Qualifica Asdouro / Esprodouro é composto por Técnicos de Orientação, Reconhecimento e Validação de Competências que estão vocacionados para a informação, aconselhamento e encaminhamento para ofertas de educação e formação profissional de adultos com idade igual ou superior a 18 anos que pretendam aumentar a sua escolaridade e qualificação profissional.

O Centro Qualifica Asdouro/Esprodouro funciona nas instalações da Biblioteca Municipal de S. João da Pesqueira, de segunda a sexta-feira, das 9h00 às 22h00.

Mais informações em: https://esprodouro.com/centro-qualifica-esprodouro/

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.