Terça-feira, 18 de Janeiro de 2022
©MR

Cidade Educadora “não quer deixar ninguém para trás”

O MACNA foi o local escolhido para assinalar o Dia Internacional da Cidade Educadora em Chaves.

-PUB-

Integrado na Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadoras, através da equipa técnica do projeto “Parentalidade positiva”, o município flaviense associou-se às comemorações da efeméride, celebrada a 30 de novembro, e dinamizou uma manhã diferente, com o intuito de promover a educação como meio para combater as desigualdades de aprendizagem, e veículo de promoção do bem-estar social.
O programa teve início no auditório do museu, com a interpretação do hino das Cidades Educadoras pela Cinquentuna, a tuna da Universidade Sénior Rotary de Chaves. Seguiu-se a Leitura da Declaração do Dia Internacional da Cidade Educadora e a visualização de um vídeo sobre o tema, o qual ilustrou os vários feitos em diferentes partes do país e do mundo.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.