Segunda-feira, 29 de Novembro de 2021

Conferência refletiu sobre memórias do homem comum

À quarta edição, a “Conferência Murganheira” convidou para o palco do Teatro Ribeiro Conceição, em Lamego, quatro vultos de diversas áreas do saber da sociedade portuguesa para abordarem a temática “Memórias em Lamego”: Júlio Machado Vaz, José Pacheco Pereira, Carlos Guimarães e Manuel Sobrinho Simões, na qualidade de moderador.

-PUB-

A assistência teve, deste modo, na tarde do último sábado, a oportunidade única de assistir a um diálogo estimulante e enriquecedor sobre a compreensão do homem comum e o seu legado no quotidiano. 
Palestrante convidado, Júlio Machado Vaz é um reputado médico psiquiatra, professor universitário e autor de quase 20 livros, colaborando há várias décadas com a imprensa, a rádio e a televisão, onde participa regularmente para abordar temas ligados à sexologia clínica. Pacheco Pereira é professor, investigador da história contemporânea portuguesa, jornalista e cronista, enquanto que o arquiteto Carlos Guimarães é professor na Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto e doutorado em Arquitetura pela mesma instituição. 
Por outro lado, Manuel Sobrinho Simões é o diretor do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular e Celular da Universidade do Porto (IPATIMUP). Foi considerado, em 2015, o patologista mais influente do mundo, pela revista científica The Pathologist, e distinguido recentemente como Honorary Fellow pelo Royal College of Pathologists, do Reino Unido. Ao longo da sua carreira, foi agraciado com diversos prémios nacionais e internacionais, nomeadamente o Prémio Pessoa em 2002.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.