Sábado, 4 de Dezembro de 2021

D. António Cardoso Cunha foi homenageado com a colocação do busto na Casa Sacerdotal

O bispo foi lembrado pela sua vida dedicada à comunidade e a Deus, tendo sido comparado, em bondade, ao Papa Francisco

-PUB-

Foi a pensar na sua “bondade humana e determinação em ajudar o próximo”, que a diocese de Vila Real, na sexta-feira, prestou uma homenagem ao bispo D. António Cardoso Cunha, que presidiu a diocese durante 24 anos. A sua missão humanitária, bem como a sua forma espiritual e sacerdotal foram os valores que mais enalteceram e lembraram a sua figura, junto daqueles que viveram, de perto, toda a sua atividade.

A homenagem começou, de manhã, no seminário, com um conjunto de oradores convidados que fizeram questão de lembrar o bispo não apenas como clérigo, mas também como homem. Os oradores, bispos marcados de alguma forma pela ação de D. António Cunha, deram a conhecer melhor a

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.