Quinta-feira, 29 de Julho de 2021

Descoberta inédita dá a conhecer antepassados

Uma descoberta inédita que permite perceber que a antiga cidade estaria construída por patamares.

-PUB-

Em 2008, António Fontoura, empresário na área da construção civil, adquiriu um terreno entre a Rua da Trindade e a Rua de Santo António. Localizado no centro histórico da cidade e sabendo da probabilidade de serem encontrados vestígios dos antepassados de Aquae Flaviae, em 2016, o local foi alvo de sondagens e, em 2019, deu-se início às escavações. 

“Desde que começamos as sondagens arqueológicas até à escavação em área encontramos vários vestígios dos vários períodos da cidade. Desde a época romana até à atualidade”, explicou João Ribeiro, arqueólogo, responsável pelos trabalhos. 

E é durante as escavações que se dá a descoberta de um edifício romano, em impressionante estado de conservação, e ainda, da época moderna, a Capela

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.