Sexta-feira, 3 de Dezembro de 2021

Diocese de Bragança-Miranda acolhe Irmãs Vitorianas

A Diocese de Bragança-Miranda acolheu, sábado, a congregação das Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora das Vitórias (Irmãs Vitorianas). A apresentação à Diocese foi feita por D. José Cordeiro, em Vila Flor, no decorrer da abertura do ano Litúrgico-pastoral. 

-PUB-

A Congregação das Irmãs Vitorianas foi fundada a 15 de janeiro de 1884, no Funchal, por Mary Jane Wilson, Irmã Maria de S. Francisco, para tornar presente no mundo os valores do reino de Deus e colaborar na missão salvadora de Cristo, através do ensino, enfermagem, cuidado às crianças e aos idosos, promoção humana, catequese pastoral a jovens e adultos, tendo sido sua cofundadora Amélia Amaro de Sá, Irmã Maria Elisabeth de Sá.

Atualmente, a Congregação está presente em vários países: Itália, Alemanha, Inglaterra, Moçambique, África do Sul, Tanzânia, Angola, República Democrática do Congo, Brasil, Índia, Filipinas e Timor. 

Em Portugal, as Irmãs Vitorianas estão espalhadas pelas Dioceses de Angra, Aveiro, Coimbra, Évora, Guarda, Leiria-Fátima e Portalegre-Castelo Branco e chegam agora à Diocese de Bragança-Miranda onde vão fundar uma comunidade de 3 elementos no Santuário do Imaculado Coração de Maria dos Cerejais, Unidade Pastoral Bartolomeu dos Mártires. 

As Irmãs Vitorianas vão estar ao serviço dos mais pobres, particularmente crianças, doentes e idosos, anunciando os valores evangélicos através da educação pastoral e do serviço missionário. 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.