Segunda-feira, 25 de Outubro de 2021

Douro vai ‘percorrer’ estações de metro de toda a Europa

Primeiro no Porto e em Lisboa, mas depois também em Espanha, Inglaterra, França e em todas as cidades europeias que tenham rede de metro. A exposição “Douro Natural” vai pôr a região demarcada ‘à vista de todos’ os europeus. Para além de fotografias, os transeuntes vão poder apreciar os marcos pombalinos e conhecer um pouco mais sobre uma das 77 paisagens naturais mais bonitas do mundo

-PUB-

Durante todo o ano de 2011, o Douro vai viajar até estações de metro de vários países da Europa através da itinerância de uma exposição fotográfica que, organizada pela Associação de Empresários Turísticos do Douro e Trás-os-Montes (AETUR), foi inaugurada ontem, na estação da Trindade, no Porto.

Intitulada “Douro Natural”, a exposição vai levar 20 fotografias, da autoria de José Miguel Ferreira, a vários pontos da Rede Europeia de Metro, uma oportunidade única para divulgar a região e convidar pessoas de toda a Europa a visitar o património classificado pela UNESCO como património da humanidade há nove anos.

“Este é um excelente veículo de sensibilização porque se trata de espaços onde diariamente circulam milhares de pessoas”, explicou António José Teixeira, presidente da direcção da AETUR.

Depois do Porto, a exposição seguirá para Lisboa, estando já agendada também a sua passagem por Madrid e Barcelona. “Ainda não temos um itinerário fechado porque muitas estações de metro recebem já outro tipo de actividades que não poderão coincidir com a exposição”, revelou o dirigente associativo, adiantando desde logo a intenção de alargar o período temporal e mesmo a rota prevista para a exposição, desde que haja “patrocinadores que assegurem” a sua continuidade.

O mesmo responsável revelou ainda que as 20 fotografias de “grandes dimensões” serão acompanhadas por um conjunto de sete marcos pombalinos, sete réplicas rigorosas em granito e feitas à escala por um artista da região. “O objectivo é mostrar os marcos e chamar a atenção para o seu significado para a região”, referiu.

Para além das fotografias e dos marcos, através de uma parceria com a Entidade Regional de Turismo do Douro, as pessoas que passarem pela exposição vão poder levar ainda para casa informação não só sobre a iniciativa mas, sobretudo, sobre a região duriense.

Mais, durante a inauguração da exposição, na estação de metro da Trindade, no Porto, foi apresentado publicamente o “selo” atribuído à região enquanto uma das 77 maravilhas da natureza. “Simultaneamente, estamos a divulgar esse galardão”, sublinhou António José Teixeira, recordando que o Douro é a única paisagem da Península Ibérica que se pode gabar de estar entre as mais bonitas do mundo.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.