Segunda-feira, 27 de Setembro de 2021
@ DR

Encerramento do balcão do Montepio gera indignação entre os aguiarenses

O balcão da Praça Luís de Camões encerrou portas a 13 de agosto sem aviso prévio. Os clientes sentem-se lesados e desrespeitados, alertando que o assunto não ficará por aqui

-PUB-

A notícia foi chegando a conta-gotas. Sem estarem a contar, os aguiarenses ficaram sem o único balcão do Montepio em Vila Pouca de Aguiar. Alguns dos comerciantes da Rua Duque de Ávila e Bolama, clientes do banco, dizem ter recebido uma carta do mesmo, “mas vários dias depois disto ter fechado. Ninguém nos avisou previamente. Ficámos descalços de um dia para o outro”.

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.