Quinta-feira, 30 de Junho de 2022

Espaço vai ser reabilitado

A Junta de Freguesia de Adoufe, em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Real, está a levar a efeito um conjunto de obras de beneficiação e reabilitação do espaço “Mão do Homem”, em Escariz. Aquela que foi uma zona erma e abandonada está a tornar-se num lugar aprazível e convidativo ao descanso. No local, […]

A Junta de Freguesia de Adoufe, em colaboração com a Câmara Municipal de Vila Real, está a levar a efeito um conjunto de obras de beneficiação e reabilitação do espaço “Mão do Homem”, em Escariz.

Aquela que foi uma zona erma e abandonada está a tornar-se num lugar aprazível e convidativo ao descanso. No local, máquinas e homens trabalham, para o alindamento da área.

“Queremos instalar um parque de merendas e uma zona de lazer infantil – disse-nos o Presidente da Junta de Freguesia de Adoufe, Carlindo Pitrez.

Para o efeito, “serão colocados pontos de água e luz, bem como algum mobiliário de jardim, bem como arborização do local, para tornar possível a criação de zonas de sombra”. Esta intervenção também é justificada, por Carlindo Pitrez, com o facto de “existir, no local, um campo de jogos frequentado por mais de uma centena de jovens, onde joga a Escola Diogo Cão, nas provas nacionais e regionais de futebol jovem e que trazem consigo os respectivos familiares, em excursões, não havendo um espaço adequado para usufruírem, comodamente, de momentos de descanso”.

Uma outra finalidade desta intervenção passa por “dar dignidade a um monumento que dá o nome ao lugar” e que é uma atracção turística daquela zona: “vamos colocar-lhe uma vedação, para proteger a rocha de qualquer acto de vandalismo”.

A Mão do Homem é o único testemunho conhecido, até agora, em Vila Real, da época do Bronze Final. Autêntico é o altar rupestre, constituído por um penedo granítico, em cuja superfície superior se podem observar diversas representações, em baixo-relevo, de mãos, assim como figuras zoomórficas e outros sinais de significado desconhecido.

É um monumento classificado pelo IPPAR.

As obras devem ficar concluídas durante este ano, faltando concluir o arranjo urbanístico da área.

 

José Manuel Cardoso

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.