Quinta-feira, 7 de Julho de 2022

Exemplo a seguir na formação e na redução do absentismo escolar

Constituído por 1.090 alunos, o Agrupamento de Escolas de Vila Pouca de Aguiar abrange 11 estabelecimentos escolares

Destaca-se por ter “uma comunidade educativa colaborativa, pois sempre que é solicitado, responde afirmativamente”, sublinha o diretor, José Teixeira, referindo, ainda, a forte interação com o meio envolvente, que se reflete através “das diversas parcerias que temos com todas as instituições e associações”.

Com uma oferta educativa e formativa ampla, desde o pré-escolar ao 12º ano (Ensino Regular e Ensino Profissional), esta instituição possui uma estratégia educativa assertiva que lhe tem permitido o reconhecimento pelos parceiros educativos e entidades.

“Somos uma escola atenta, inclusiva e que procura fornecer medidas de promoção do sucesso escolar”
JOSÉ TEIXEIRA
DIRETOR

Para além do trabalho desenvolvido por alunos e professores, a rápida atuação do Gabinete de Apoio ao Aluno e à Família (GAAF) tem contribuído significativamente para o alcance de excelentes resultados, em particular, o absentismo escolar.

Através da implementação de uma “medida inovadora” que está sob alçada do GAAF, designada por “Comunicação da falta na hora”, tem sido possível atuar de forma rápida e objetiva.

“Quando verificamos que o aluno não deu entrada na escola, comunicamos imediatamente ao encarregado de educação a situação, procurando perceber o que está na origem da ausência”, explica o diretor, reforçando que “este acompanhamento atento e personalizado permite agir e criar soluções atempadamente”, sendo, ainda uma “medida dissuasora”, que condiciona eventuais comportamentos inadequados dos alunos.

Prova de sucesso desta ação diária é a forte ligação com as famílias, na medida em que “já são os alunos e as famílias que procuram o apoio do GAAF”.

Dentro dos vários eixos educativos, o compromisso passa por continuar a ser “uma escola atenta, inclusiva e que procura fornecer medidas de promoção do sucesso escolar, através de um plano estratégico bem delineado”, como refere o diretor.

“A monitorização regular dos resultados escolares tem permitido a reformulação de estratégias e a adequação das medidas a tomar”, conclui o diretor.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.