Quarta-feira, 6 de Julho de 2022

Feira Medieval atrai milhares de visitantes a Penedono

Durante três dias, Penedono viajou aos tempos medievais num ambiente de grande animação e momentos de recriação histórica.

No fim-de-semana, milhares de visitantes encheram o centro histórico da vila de Penedono que se vestiu a rigor para mais uma edição da Feira Medieval.

Penedono viajou à “Memória dos tempos medievais”, num ambiente repleto de animação onde não faltaram treinos de armas, espetáculos de acrobacias e malabarismos, encantadores de serpentes, cuspidores de fogo, músicos, trovadores e danças. Com a recriação de um mercado histórico, produtos típicos, tabernas, mercadores e gastronomia da época, o encantador cenário histórico apelou à participação das gentes locais evidenciando a valorização que é dada às tradições e ao património etnográfico.

Associações, entidades culturais, artesãos, artífices, mercadores alimentares, comerciantes de doces e bebidas, entre outros, fizeram as delícias dos milhares de pessoas que assistiram ao desafio deste ano.

Afirmou Carlos Esteves, Presidente da Câmara Municipal de Penedono “é um evento que está absolutamente consolidado, não apenas no concelho, direi mesmo na região e até cada vez mais com uma expressão nacional”.

Nos vários momentos de recriações vividas na época, teve como destaque a representação histórica do assalto ao Castelo por alguns escudeiros mandados por El-Rei de Castela e a entrega da Carta de Beetria que representa o momento da História da vila em que as suas gentes entenderam escolher um senhor que protegesse a terra e o seu castelo muito ameaçados pelos inimigos do rei.

 

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.