Quinta-feira, 7 de Julho de 2022

Grande final de época

Os Campeonatos Nacionais de Absolutos e Juvenis realizaram-se, na Piscina Olímpica de Aveiro, entre os dias 26 e 29 de Julho, contando com a presença de 67 clubes (incluindo dois clubes franceses) e 520 atletas. A equipa de Natação do GCVR apresentou-se, nesta competição, com cinco atletas, acompanhados pelo técnico, João Matos: Ana Sofia Nóbrega, […]

Os Campeonatos Nacionais de Absolutos e Juvenis realizaram-se, na Piscina Olímpica de Aveiro, entre os dias 26 e 29 de Julho, contando com a presença de 67 clubes (incluindo dois clubes franceses) e 520 atletas. A equipa de Natação do GCVR apresentou-se, nesta competição, com cinco atletas, acompanhados pelo técnico, João Matos: Ana Sofia Nóbrega, Elsa Cardoso, João Baptista e João Costa (atletas Absolutos) e Ana Sofia Leite (atleta Juvenil).

Apesar de a prova ser realizada em piscina longa, estes atletas realizaram prestações de grande nível, resultando em três recordes pessoais, numa medalha e na participação em duas finais.

Ana Leite foi a responsável pela obtenção da Medalha, ao ficar no terceiro lugar, na prova de 100 metros Costas, com o tempo de 1.12.90; nas restantes, a atleta do GCVR nunca andou longe dos primeiros lugares, tendo sido sexta classificada nos 100 metros Livres (com o recorde pessoal de 1.04.33) e oitava nos 200 metros Costas (com a marca de 2.37.21).

João Costa foi o responsável pela participação nas duas finais, conseguindo um excelente quarto lugar, nos 50 metros Livres (final A), com o recorde pessoal de 23.89; nos 50 metros Mariposa, João Costa participou na final B, mas tal não o impediu de obter novo recorde pessoal, com a marca de 25.72, ficando no nono posto.

Elsa Cardoso, na prova de 50 metros Livres, ficou à porta das finais, ao alcançar o 18.º lugar, com o tempo de 29.28, enquanto que Ana Nóbrega, nos 100 metros Mariposa, realizou o tempo de 1.12.76, acusando o facto de nadar esta prova, pela primeira vez, em piscina de 50 metros.

Nos 50 metros Bruços, João Baptista realizou uma boa prestação, com o tempo de 32.86.

Esta foi a última prova da temporada 2006/2007 que, felizmente, fica, mais uma vez, marcada por boas prestações, por medalhas e presenças em finais, aquilo a que estes atletas do GCVR têm habituado as pessoas do clube e da cidade, ao longo do seu percurso.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.