Quarta-feira, 4 de Agosto de 2021

Holofotes viraram-se para a região Norte

Nova fase de desconfinamento é "a grande oportunidade" para a região se mostrar aos turistas nacionais.

-PUB-

O presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP) defendeu hoje que esta fase de desconfinamento é a “grande oportunidade” para os quatro “subdestinos” da região mostrarem aquilo que têm de melhor aos turistas nacionais.

“Esta é a grande oportunidade para estes territórios e nós valorizarmos estes quatro subdestinos: Porto, Douro, Minho e Trás-os-Montes. Os holofotes foram colocados nesta região e esta é a oportunidade para mostrar aquilo que têm de melhor”, salientou Luís Pedro Martins.

Em declarações à Lusa, no seguimento de uma visita, promovida pelo TPNP, por vários locais de interesse da região, Luís Pedro Martins defendeu que esta é a altura dos portugueses “darem a atenção que estas regiões merecem”.

“Se calhar, está na hora de os portugueses voltarem também a olhar para o país fantástico que têm e perceberem que conseguem fazer dentro do nosso território férias inesquecíveis”, referiu, acrescentando que a par da gastronomia e paisagens, a região contempla “segurança, natureza, tranquilidade, privacidade e experiências diversificadas”.

Apesar das quebras sentidas pelos diversos setores de atividade durante os últimos dois meses, Luís Pedro Martins acredita que o setor do turismo “vai conseguir sair desta crise” dada a sua “resiliência”.

“O setor do turismo soube sempre rapidamente sobreviver e daí estar otimista para acreditar que, não havendo uma segunda vaga do novo coronavírus e se no início de 2021 for descoberta uma vacina, na Páscoa do próximo ano poderemos estar a regressar à normalidade”, afirmou.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.