Terça-feira, 6 de Dezembro de 2022
No menu items!
0,00 EUR

Nenhum produto no carrinho.

Interrupção voluntária da gravidez. Interrupção?

(Os apoiantes da despenalização têm medo das palavras. A expressão escolhida -“interrupção voluntária da gravidez”- está errada ou, pelo menos, é enganadora. Por sua vez, o termo “abortar” não tem o significado que se lhe atribui, correntemente. Basta consultar qualquer bom dicionário de língua portuguesa, para o confirmar. Uma maioria votou, na Assembleia da República, […]

-PUB-

(Os apoiantes da despenalização têm medo das palavras. A expressão escolhida -“interrupção voluntária da gravidez”- está errada ou, pelo menos, é enganadora. Por sua vez, o termo “abortar” não tem o significado que se lhe atribui, correntemente. Basta consultar qualquer bom dicionário de língua portuguesa, para o confirmar.

Uma maioria votou, na Assembleia da República, uma pergunta que não traduz o que, realmente, se passa. Continua-se a brincar com coisas sérias).

Os defensores da despenalização têm um medo terrível das palavras. E o caso não é para menos. Sabendo, como sabem, do incómodo que representa um novo referendo para os eleitores, e cientes de que uma nova derrota nas urnas seria o golpe final nas suas

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

Mais Lidas

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.