Sábado, 16 de Outubro de 2021
Barroso da Fonte
Escritor e Jornalista. Colunista n'A Voz de Trás-os-Montes

Jorge Lage e o estudo das Maias

São hoje mais as notícias más do que as boas. E o mês de Janeiro foi um bom exemplo, com catástrofes no Brasil, na Tunísia, em Portugal, onde a paz social é cada vez mais rara. Mesmo assim houve notícias agradáveis. Sem gastar espaço a enunciá-las vou directo ao assunto. Gosto muito de livros, de autores e daquilo que os criativos fazem, quer investigando, quer redescobrindo, quer recolhendo em suporte impresso, fotográfico ou informático aquilo que foi a riqueza etnográfica dos povos que nos antecederam.

-PUB-

A etnografia é a ciência que procura analisar, reunir, comparar e desenvolver os usos, os hábitos, as festas, os costumes, dos povos, em qualquer parte do planeta. É dos temas mais gratificantes para qualquer estudioso, mesmo que especialista noutras áreas. Cada geração gostará de conhecer os seus antepassados e o chão que eles pisaram, os modelos de vida que tiveram, a maneira como se relacionaram, o respeito que tinham pelos rituais, etc. Essa cultura pertence ao foro da Etnografia que é uma palavra composta do prefixo grego éthnos, que diz respeito povo e a palavra «graphein,» que significa descrição. Os dicionários definem a etnografia como sendo o estudo e descrição dos povos, no ponto de

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

Mais Lidas | opinião

O povo é quem mais ordena

Sobre a ferrovia em Trás-os-Montes

Ferrovia Boas Notícias

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.