Segunda-feira, 4 de Julho de 2022

Milhares de pessoas visitaram a feira “Sabores e Saberes de Chaves”

A Feira “Sabores e Saberes de Chaves” decorreu ao longo do passado fim-de-semana e foi um sucesso, superando todas as expectativas que as entidades organizadoras mantinham: Câmara Municipal de Chaves – através da Divisão de Desenvolvimento Económico – e a Associação “Chaves Viva”. Durante os três dias do certame (que contou com 40 expositores), foram […]

A Feira “Sabores e Saberes de Chaves” decorreu ao longo do passado fim-de-semana e foi um sucesso, superando todas as expectativas que as entidades organizadoras mantinham: Câmara Municipal de Chaves – através da Divisão de Desenvolvimento Económico – e a Associação “Chaves Viva”.

Durante os três dias do certame (que contou com 40 expositores), foram vendidos mais de 450 Kg de folar, 11 mil unidades de pastéis e seis toneladas de fumeiro, cinco delas de enchidos.

Para além de promover os produtos candidatos a Indicação Geográfica Protegida (IPG), entre os quais o fumeiro, o folar e o pastel de Chaves, a batata de Trás-os-Montes e a couve penca de Chaves, o certame pretendeu dinamizar a criação de microempresas, uma forma de revitalizar a economia local.

Para a autarquia flaviense, esta Mostra – que decorreu no Pavilhão Gimnodesportivo – foi um êxito, a três níveis: pela adesão dos flavienses, população de outras regiões do Norte do país, bem como dos nossos vizinhos da Galiza; ao nível da procura dos produtos ali expostos, uma vez que os 40 expositores manifestaram- -se absolutamente satisfeitos; e no que diz respeito à animação do evento. Os 15 grupos locais tiveram a oportunidade de actuar, ao lado de dois grupos convidados.

Segundo o Presidente da Câmara, “a autarquia encontrou o figurino ideal: o desafio é melhorá-lo, nos próximos anos, para ganhar sustentabilidade económica”.

João Batista adiantou, ainda, que a Câmara Municipal vai reservar um espaço permanente, nos Mercados Municipais de Chaves e de Vidago, para a venda de produtos gastronómicos locais, durante todo o ano.

Outra novidade desta edição foi o “Fim-de-semana Gastronómico”. Os restaurantes da cidade associaram-se à iniciativa, oferecendo, nas suas ementas, ao longo do fim-de–semana, pratos típicos regionais.

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO. APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

A Imprensa livre é um dos pilares da democracia

Nota da Administração do Jornal A Voz de Trás-os-Montes

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.