DR

Jovem, preso inocentemente, pede uma indeminização ao Estado de 140 mil euros

Leandro Monteiro foi detido em 2014, na altura com 16 anos, após ter sido acusado de abusar sexualmente de dois rapazes numa instituição de acolhimento em Chaves. Leandro foi acusado de ter praticado esses crimes, na própria instituição onde residia, a duas crianças de 6 e 11 anos. 


Contudo, apesar das várias confissões que contradiziam os delitos, o jovem continuou preso durante quase 11 meses, tendo saído da prisão apenas quando o tribunal o absolveu pela falta de provas que comprovassem os crimes pelos quais foi acusado. 

Leandro esteve assim preso inocentemente, pelo que exige, atualmente, uma indeminização ao Estado no valor de 140 mil euros. No entanto, o valor poderá, ainda, aumentar, dado que não se conhece

 

Se já é assinante faça aqui o seu login       ou       Clique aqui para ver OS EXCLUSIVOS da VTM

ASSINE AGORA A VOZ DE TRÁS OS MONTES

Acesso exclusivo e ilimitado
à edição digital
(site + e-paper)

Comentários