DR

Ângelo Moura visita “obra para o futuro” na Escola Latino Coelho

“Esta é uma obra para o futuro e representa uma aposta muito forte na qualificação dos lamecenses, com o objetivo de proporcionar condições ao nível do melhor que existe no nosso país”.


No final da visita de trabalho que efetuou à Escola Secundária de Latino Coelho, o presidente da câmara, resumiu assim a importância dos trabalhos de requalificação que vão começar na próxima semana neste estabelecimento de ensino, onde estudam neste momento mais de 900 alunos. Acompanhado pela direção do Agrupamento de Escolas, dirigentes da associação de pais e representantes da empresa responsável pela execução da empreitada, Ângelo Moura garantiu que “estão a ser acautelados todos os pormenores para que a obra não provoque qualquer constrangimento e não perturbe o funcionamento normal das aulas”, acrescentando, no entanto, que para tal será necessária a “colaboração de toda a comunidade educativa”.

A anteceder o arranque dos trabalhos, já é visível no terreno a montagem do estaleiro de obra. Com o objetivo de responder às novas exigências educativas e melhorar a vivência diária dos alunos e do corpo docente, a modernização da Escola Secundária Latino Coelho é um dos investimentos mais elevados a realizar no conjunto dos estabelecimentos de ensino do Norte do país que o Ministério da Educação vai intervir. A obra conta com um financiamento comunitário de 85 por cento, aprovado no âmbito do NORTE 2020. A Câmara Municipal de Lamego também dá uma importante ajuda para a realização deste projeto, para solucionar, em definitivo, os problemas básicos que esta infraestrutura apresenta e que resultam do facto de não terem ocorrido, ao longo dos últimos anos, intervenções relevantes que visassem a sua modernização. Nos próximos 12 meses, a execução dos trabalhos, adjudicados à firma “Floponor”, por 3.748.356,08€ (acrescido de IVA), decorrerá ao longo de diferentes fases para minimizar eventuais constrangimentos.

Comentários