Márcia Fernandes

Nova discoteca “Babalu” abre no sábado para dinamizar a noite da região

“Babalu” é o nome da discoteca que abre portas no próximo sábado, em Paredes-Adoufe, a cinco quilómetros de Vila Real.


A estreia será marcada com a atuação do conhecido DJ Mastiksoul, que junta uma nova cultura musical às suas raízes africanas, formando um talento e um estilo únicos.

Este projeto, que emprega mais de 40 pessoas, quer marcar pela diferença e trazer à memória os tempos áureos da discoteca “Andromeda” que ocupou aquele espaço durante quase duas décadas de sucessos.

Um dos rostos do novo espaço de diversão noturna é Frédéric Alves, empresário de 41 anos, que sempre teve o sonho de investir em Portugal, surgindo esta oportunidade de se estrear nos negócios da noite. “Quando vinha de férias a Portugal, a Andromeda era um ponto de paragem obrigatório. Diverti-me muito com os meus amigos nesta casa, e fiquei triste quando soube do seu encerramento”. 

Filho de mãe vila-realense e pai amarantino, o empresário vendeu as empresas que tinha em França, viajou pelo mundo e decidiu voltar a Vila Real, onde já não estava há mais de 10 anos. “Vim cá em 2015 e vi a discoteca parada, em 2016 tudo continuava igual. Falei com o meu irmão e decidimos avançar com o projeto, que é a concretização de um sonho”, revela Frédéric Alves, que sente saudades dos tempos em que a Andromeda era uma referência da noite na região norte. “O empresário que dinamizou a discoteca estava uns anos à frente e fez desta casa um grande sucesso. Agora, apesar de não ter experiência na área, espero devolver o glamour de outros tempos à noite vila-realense”.   

“Babalu” quer ser um espaço diferente, direcionado para o cliente, que irá aqui encontrar “boa música, diversão e alegria”, como explicou o empresário. “Os nossos funcionários estão vocacionados para terem alma de artistas, ou seja, também vão animar e divertir, além de servir os nossos clientes”, sublinha, acrescentando que as pessoas vão encontrar sempre espetáculos e boa disposição constante.

“As viagens que fiz pelo mundo, também me ajudaram a perceber melhor como funciona a animação da noite”, revela Frédéric Alves, que promete “empenho” em trazer grandes espetáculos até Vila Real. “As pessoas vão ficar surpreendidas, mas eu quero trazer o melhor que se faz pelo mundo para a Babalu”.

Com lotação para 850 pessoas, este mês a Balalu estará aberta todas as sextas e sábados (23h30 às 6h00), onde haverá sempre muitas surpresas e a animação está garantida, com o DJ Residente Henri Josh e muitas outras novidades a não perder nas atualizações diárias na página oficial de Facebook www.facebook.com/babalusuperclub/

Comentários