DR

MUSEU DAS TERMAS ROMANAS

Solução para os problemas de condensação é “prioritária”

No dia em que o novo executivo camarário completou 100 dias à frente do município de Chaves, Nuno Vaz, Presidente da Câmara, afirmou que a resolução do problema de condensação e humidade no edifício do Museu das Termas Romanas é “uma prioridade”. 


Aquelas que são as maiores termas medicinais romanas da Península Ibérica foram descobertas, em 2005, quando a autarquia efetuava umas obras no local, com a intenção de construir um parque de estacionamento. 
No entanto, o projeto inicial para a construção do museu não teve em conta as altas temperaturas da água, o que implicou problemas de humidade e condensação nas paredes da estrutura, fazendo com









 

Se já é assinante faça aqui o seu login       ou       Clique aqui para ver OS EXCLUSIVOS da VTM

ASSINE AGORA A VOZ DE TRÁS OS MONTES

Acesso exclusivo e ilimitado
à edição digital
(site + e-paper)

Comentários