DR

Programação de robótica promove relação intergeracional

Alunos do Clube da Programação e Robótica (CPR) da Escola Básica e Secundária D. Sancho II, em Alijó, acompanhados pelo professor António Mansilha, realizaram, a 4 de julho, uma atividade intergeracional com os utentes séniores e jovens do Centro de Atividades e Tempos Livres e do Centro Social, Recreativo e Cultural (CSRC) de Vilar de Maçada.


Esta atividade resultou da parceria realizada com o CSRC de Vilar de Maçada, no âmbito da formação em contexto de trabalho da aluna Elisa Botelho. A jovem frequenta o curso profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos, e previa, entre outras, a dinamização de sessões de formação destinadas a desenvolver a literacia digital dos utentes da associação e o desenvolvimento de atividades relacionadas com o pensamento computacional, utilizando objetos tangíveis programáveis. Esta iniciativa contou, também, com o apoio e a participação das estagiárias Sílvia Vaz, psicomotricista e Beatriz Praça, animadora sócio cultural.

Ao longo da tarde, os alunos envolvidos fizeram demonstrações de utilização de alguns robôs pré-programáveis do CPR. As crianças e os idosos foram estimulados a programar os robôs e a resolver pequenos desafios/problemas, interagindo e aprendendo conceitos relacionados com o pensamento computacional. “Foi muito compensador observar o ambiente de colaboração e de entreajuda e verificar que a robótica também tem esta função de promover laços sociais, tempo de convívio, colaboração e partilha. O sorriso e a felicidade que irradiavam em todos os envolvidos será, com certeza, o mote para que outras atividades se realizem”, refere a organização. 

Comentários