DR

Casa de Mateus recebe Encontros Internacionais de Música

O verão na Casa de Mateus volta a ser o lugar da azáfama em torno da música, da sua aprendizagem e da sua fruição, com o regresso dos tradicionais e famosos Encontros Internacionais de Música que são, desde 1978, um dos mais conhecidos e prestigiados festivais de música barroca da Europa. 


Ao longo dos Encontros, professores e alunos desdobram-se em concertos e recitais que nos revelam um repertório plural. Das obras de compositores barrocos portugueses menos conhecidos do grande público, como Pedro de Araújo ou João Rodrigues Esteves, até Vivaldi, Bach ou à contemporânea Ella Macens, cinco oportunidades de sentir o virtuosismo dos executantes.

Assim, já no próximo domingo, às 17h00, a Casa de Mateus recebe a Conferência de Abertura, intitulada “Os Cursos de Mateus e o Movimento de Música Antiga em Portugal”, por Rui Vieira Nery. Duas horas mais tarde tem lugar o Concerto de Abertura, na capela, um serão com Bach, com António Carrilho (flauta de bisel/recorder) e Helena Marinho (fortepiano).

Dia 14 de agosto, 19h00, na capela da Casa de Mateus, “The Judgement of Paris”, por Aimee Brown, Ingrid Fittler, Isabelle Palmer e Peter Petocz.

Já a 16 de agosto, às 19h00, também na capela da Casa de Mateus, espetáculo “L’Art de toucher le Clavecin”, por Jacques Ogg (cravo solo).

No dia seguinte, às 19h00, na Igreja Paroquial de Mateus, haverá um concerto de música de Câmara Participantes dos XXVIII Encontros Internacionais de Música da Casa de Mateus.

Dia 18, às 19h00, a música regressa novamente à capela com o Concerto de Encerramento, em que na primeira parte será dedicada à Música de Câmara e na segunda parte haverá um espetáculo Ensemble Vocal. 

Comentários