Clara Matos

Um agosto ao gosto das crianças?

É verdade que férias são férias. Tempo de usufruir dos momentos de descontração, em família e com os amigos, sem pressas e aproveitados por inteiro.


Tempo de criar memórias com os seus filhos, de conhecer a gastronomia dos locais por onde passarem, de preparar juntos um piquenique no campo, de partilhar um gelado numa esplanada e mesmo de não resistir a uma bola de berlim na praia. 

Mas por que não aproveitar também este tempo em família para serem criados novos hábitos alimentares mais saudáveis? É reconhecido o papel dos pais enquanto exemplo. Começar o dia com um bom pequeno almoço, não saltar refeições, não dispensar a sopa no início das refeições principais, preferir sempre a fruta à sobremesa, fazer da água a bebida de eleição, são pequenos gestos com uma repercussão enorme na saúde dos seus filhos e com reflexo a longo prazo também!

E que tal começar a envolver os seus filhos na elaboração da ementa semanal, pesquisando e escolhendo pratos de confeção simples, mas apetecível? Descobrir novos sabores, criar um canteiro com ervas aromáticas, colorir o prato com os imensos produtos hortícolas e fruta saborosa que esta época nos dá, apostar ao máximo na variedade dos alimentos, ir mais ao mercado e menos ao supermercado! E aqui, ensinar a ler os rótulos dos alimentos e a preferir os que têm menor quantidade de açúcar, gordura e sal – é que às vezes, o mesmo alimento, nas diferentes marcas existentes, pode apresentar diferenças significativas e um bom “jogo” para fazer em família pode consistir em escolher para trazer para casa os que forem considerados mais saudáveis! (A Direção Geral da Saúde tem disponível online um descodificador de rótulos que é simples, prático e muito útil).

De acordo com a idade dos seus filhos, deve ainda contar com eles para a preparação e confeção da refeição, sabendo que desta forma eles vão ficar com mais vontade de provar e gostar dos sabores que rejeitariam à partida sem provar, se não tivessem sido eles os cozinheiros.

Acresce que tudo isto vai contribuir para conseguir fortalecer ainda mais os vossos laços enquanto família. 

E então, vai aproveitar as férias para dar mais saúde aos seus filhos?

Comentários