DR

Alijó recebe Gala das 7 Maravilhas à Mesa

Em Alijó está tudo a postos para receber, já no próximo domingo, a 4ª Gala das 7 Maravilhas à Mesa. A partir das 21h30, a vila de Alijó será palco de mais uma maravilhosa Gala de eleição para duas novas mesas finalistas.


Em concurso com as Mesas de Albufeira, Beira Serra, Beja, Constança, Lajes das Flores e Setúbal, a Mesa de Alijó pretende destacar-se e conseguir o apuramento para a grande final.

Em comunicado, a autarquia revelou que a Mesa de Alijó “é rica em história e tradição”. Todos os elementos que a constituem “são de uma nobreza extrema e identificam o território de Alijó na mais perfeita harmonia”.

Os sete patrimónios “criteriosamente” escolhidos para a constituição desta Mesa foram: o “Pão de Trigo de Favaios”, conhecido pelo seu formato de quatro cantos, verdadeiro ex-libris da vila, uma arte com mais de cem anos de história. Ainda hoje se confeciona de modo artesanal, cozido em forno de lenha, o que lhe confere um sabor inigualável. 

Os tradicionais “Peixinhos do Rio cozinhados em escabeche”, antiga técnica de conservação alimentar, um apreciado petisco oriundo dos rios Douro e Tua, sustento de muitas famílias. A “Perdiz”, um prato de caça digno de rei, privilégio de caçadores, estufada com uvas e míscaros do campo, aromatizada com vinho do Porto é uma amálgama de sabores de fazer crescer água na boca. 

Haverá ainda um “Vinho Grande Reserva 2013 Quanta Terra”, reconhecido internacionalmente. O fino e aveludado “Azeite Espigão”, oriundo da zona oeste do concelho, repleto de sabor. O maior e mais valioso sustento económico do Douro, origem da primeira Região Demarcada do Mundo, o “Vinho do Porto Tawny 10 anos da Real Companhia Velha”, a mais antiga companhia de vinhos da região.

Finalmente, na categoria de Roteiros, o local onde se avista uma das mais belas paisagens do mundo, o maravilhoso e emblemático “Miradouro de Casal de Loivos”, onde “os olhos se perdem em imagens de rara beleza. Aqui, temos que suster a respiração, tal é o encanto”.

O executivo autárquico mostra confiança em chegar à final. “Alijó está convicta que pode chegar à final, pois o potencial é imenso”. Para que o desejo se concretize, a autarquia apela ao voto “na Mesa de Alijó, através do número 760 10 70 23”. 

Comentários