DR

Dois mil reguenses participaram no Passeio Sénior

“A maior riqueza de Peso da Régua são as pessoas. Por isso, uma das marcas do desenvolvimento é a forma como nos relacionamos com os reguenses e os incluímos na grande missão de fazer de Peso da Régua um concelho para todos”, salientou a autarquia.


O Passeio Sénior é uma das iniciativas sociais mais emblemáticas promovidas pela câmara do Peso da Régua. Guimarães, a cidade berço de Portugal, foi a cidade escolhida como destino para a edição de 2018. Cerca de dois mil seniores reguenses participaram. 

À semelhança dos anos anteriores, o Passeio Sénior contemplou três viagens, realizadas a 3, 5 e 7 de setembro, com a participação no primeiro dia de Canelas, Covelinhas, Galafura, Poiares e Vilarinho dos Freires, no segundo dia de Loureiro, Moura Morta, Peso da Régua e Vinhós e, por fim, de Fontelas, Godim e Sedielos. Em Guimarães, os seniores visitaram o Santuário da Penha, onde foi celebrada a eucaristia. O almoço-convívio realizou-se no Mit Penha. 

No final, a alegria dos reguenses foi sinal evidente.

O município adiantou que irá continuar a “promover a integração social e a contar com todos para fazer de Peso da Régua um concelho solidário”. Uma vez mais, as sinergias criadas com as Juntas de Freguesia e as Instituições de Solidariedade Social deram amplitude à missão de fazer mais e melhor pelos seniores do concelho. “Continuaremos a aproveitar a disponibilidade e a vontade de todos os que queiram promover a solidariedade social em Peso da Régua”. 

O Passeio Sénior foi organizado pela autarquia, com o apoio das juntas de freguesia, Instituições de Solidariedade Social, ACES Douro e Marão e Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Peso da Régua. 

Comentários