Aida Lima

McDonald’s cria 60 postos de trabalho em Bragança

Primeiro restaurante da marca no distrito representa um investimento que ronda os 600 mil a um milhão de euros, sendo o oitavo de Regina Alves, franquiada da McDonald’s Portugal.


O primeiro McDonald’s do distrito de Bragança abriu esta semana, criando 60 postos de trabalho. Trata-se do oitavo restaurante de Regina Alves, franquiada MacDonald’s Portugal, um investimento que ronda os 600 mil a um milhão de euros, com expectativa de recuperação a dez anos.

A proprietária iniciou o seu percurso na marca em Famalicão, há 22 anos, depois seguiu-se Penafiel, Paços de Ferreira, Trofa em 2015, Chaves, dois restaurantes em Vila Real e agora Bragança.

“A marca já queria estar presente em Bragança há imenso tempo, mas queria a localização perfeita e só quando esta foi conseguida é que avançou. Foi progredindo para outras cidades, onde também era necessário, até que chegou o momento. Bragança é capital de distrito, tem Instituto Politécnico e reúne todas as condições para a McDonald’s estar cá”, explicou Regina Alves, acrescentando que a avenida Cónego Luís, onde se situa o restaurante, “ é a localização perfeita, pois está numa entrada da cidade, numa rua movimentada, com o IPB em frente, existindo uma dinâmica muito interessante”. 

Para a franquiada, a chegada da McDonald’s a Bragança vai ser “muito boa para a cidade, primeiro porque o edifício ficou muito bonito e orgulhamo-nos muito do resultado final, depois porque atrairá mais gente à cidade, uma vez que a marca McDonald’s é um polo atrativo para novas empresas também”. “Por exemplo, há 22 anos, quando abrimos em Famalicão, o restaurante ficava isolado. Passado algum tempo, verificámos um desenvolvimento enorme. É um bom indicador, pois qualquer investidor que queira investir numa determinada região se souber que existe McDonald’s sente que deve ser um bom mercado e que deve valer a pena apostar”, acrescentou.

O novo restaurante de Bragança, com 113 lugares sentados, entre sala e esplanada, dispõe de uma decoração premium da marca, privilegiando a madeira, pensada de acordo com a região em que se insere.  “A decoração é toda em madeira, havendo a preocupação de se enquadrar na região. É uma decoração premium da marca, das mais caras, mas que fazia todo o sentido para enquadrar na região. Foi tudo pensado tendo em conta a área e o clima. O revestimento e a cobertura do restaurante foram reforçados devido ao frio e a pensar no peso da neve”, sublinhou a gestora. 

O McDonald’s de Bragança é o 167º restaurante de Portugal, conciliando ainda serviços McDrive e McCafé. Aberto diariamente das 8h00 às 2h00, exceto no dia de Natal, o espaço dispõe de quiosques multimédia para a realização e pagamento de pedido, serviço de mesa, tablets com acesso à internet e jogos didáticos, menuboard digital, carregadores de indução e tomadas USB para recarga de equipamentos eletrónicos, micro-ondas e área dedicada aos mais novos.

A entrega ao domicílio em Bragança já está pensada, pois a marca está nesse caminho, disponibilizando, atualmente, o serviço no Porto e em Lisboa.

Comentários