JPB

Feira do Porco promete ser “um sucesso”

A XXI Feira Gastronómica do Porco arranca já amanhã, em Boticas, no pavilhão multiusos, onde decorre até domingo.


Com 70 mil visitantes esperados no concelho, o presidente da câmara, Fernando Queiroga, não deixou de realçar que a “qualidade dos produtos”, sobretudo dos enchidos e da carne suína, é a imagem de marca do evento, pelo que são tantos os milhares de pessoas que se dirigem a terras de Barroso nestes dias. Para o autarca, este certame já atingiu “um patamar de excelência”, o que honra o compromisso de ser aquele que abre as feiras de fumeiro na região do Alto Tâmega.

“Temos consciência da nossa responsabilidade e temos muito gosto em assumi-la”, referiu, acrescentando que esta feira representa não só um concelho, mas também um território “riquíssimo”, pelo que é seu objetivo promover, valorizar e preservar os melhores produtos endógenos, de forma a que os turistas fiquem mais tempo e visitem as restantes feiras do fumeiro.

Este ano, a grande novidade vai para a realização de um concurso de fumeiro que procura premiar a melhor chouriça e o melhor salpicão, no qual poderão participar todos os produtores presentes no certame. Serão premiados as três melhores chouriças e os três melhores salpicões do lombo, a quem será entregue o respetivo troféu.

“Este concurso pretende, essencialmente, incentivar os nossos produtores, estimulando uma competição saudável e amigável. Procuramos, acima de tudo, que os nossos produtores tenham, ainda mais, brio nos seus produtos, que são de uma qualidade inigualável”, salientou.

Este ano, o certame conta com 70 expositores, onde estarão presentes 39 produtores de fumeiro, 16 de artesanato e 18 expositores de produtos agroalimentares. De acordo com Fernando Queiroga, estes números têm “vindo a crescer de ano para ano”, sobretudo no que diz respeito aos produtos agroalimentares, uma atividade que tem sido explorada fundamentalmente por jovens do concelho que estão a aproveitar a oportunidade do território.

Quanto ao programa, o autarca destacou a realização das tradicionais tasquinhas, a animação protagonizada por vários grupos musicais da região, bem como pelo programa da TVI, “Somos Portugal”. Além disso, as “Chegas de Bois” e o próprio concurso “Melhor Chouriça e Salpicão” prometem tornar este evento “único”.

De referir que este certame é organizado pela câmara municipal de Boticas em parceria com a EHATB – Empreendimentos Hidroelétricos do Alto Tâmega e Barroso.

 

Depoimentos

Fernando Queiroga, presidente da câmara municipal de Boticas

“Estamos a falar do cartaz mais visível do concelho, onde a qualidade dos nossos produtos impera”

 

Comentários