JPB

Falta de sensibilização dos produtores preocupa investigadores

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) reuniu, de segunda a quarta-feira, vários especialistas europeus em alterações climáticas e viticultura, preocupados em debater e encontrar soluções para dinamizar o seu impacto nas vinhas.


À VTM, João Santos, coordenador do projeto Clim4Vitis, um projeto da UTAD que tem como objetivo consolidar parcerias internacionais em torno desta temática, deu conta de que a região do Douro superior tem sido uma das mais afetadas pelo aumento exponencial da temperatura, fazendo com que hajam graves consequências quer na qualidade dos vinhos, quer na quantidade da sua produção. 

“As alterações climáticas, no que

 

Se já é assinante faça aqui o seu login       ou       Clique aqui para ver OS EXCLUSIVOS da VTM

ASSINE AGORA A VOZ DE TRÁS OS MONTES

Acesso exclusivo e ilimitado
à edição digital
(site + e-paper)

Comentários