DR

Empresário detido por suspeita de corrupção ativa

A Polícia Judiciária (PJ), através de Unidade de Investigação de Vila Real, deteve um empresário, de 68 anos, que está indiciado por suspeitas de ter cometido os crimes de corrupção ativa, prevaricação e fraude na obtenção de subsídio.


Em causa estão suspeitas de prática de corrupção e outros indícios criminais na execução de uma empreitada de beneficiação de uma estrada municipal em Tabuaço.

Em comunicado, a PJ refere que foram realizadas nove buscas domiciliárias e não domiciliárias nas cidades de Lisboa, Porto, Penafiel, Viseu, Mangualde, Trancoso, Tabuaço e Moimenta da Beira, tendo sido recolhidos vários elementos probatórios.

O detido vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação.

Comentários