DR

Cartões "abem" ajudam munícipes carenciados

A Câmara de Montalegre entregou, a 14 munícipes, um cartão de acesso a medicamentos comparticipados pelo programa da Rede Solidária do Medicamento. 


Esta entrega surge na sequência do protocolo de colaboração, formalizado no início do ano, entre o município barrosão e a Associação Dignitude, que tem como objetivo comparticipar a compra de medicação a pessoas do concelho que se apresentem numa situação de carência económica. 

Para Orlando Alves, presidente da Câmara de Montalegre, esta é uma medida que ajuda muitos munícipes, uma vez que “muitos idosos gastam o que têm e não têm em medicação, e desta forma ajudamos a melhorar a sua qualidade de vida”.

Através deste protocolo, o município compromete-se a prestar, anualmente, um contributo financeiro para o programa “abem”. 

Os serviços da autarquia são responsáveis pela referenciação e inscrição dos beneficiários, que terão que reunir alguns requisitos, nomeadamente, residir em Montalegre e possuir um rendimento per capita do agregado familiar inferior a 60% do indexante dos apoios sociais.

Esta é uma medida que visa apoiar as pessoas com menos rendimentos e que, ao serem portadoras do cartão, podem adquirir os medicamentos abrangidos pela comparticipação, numa das farmácias do concelho, que também se associaram a este projeto solidário. 

Trata-se da primeira fase desta ação, que, em breve, vai entregar mais cartões a utentes do concelho. 

Comentários