DR

Nem o mau tempo afastou os milhares de visitantes da Feira dos Santos

Nem as condições climatéricas adversas afastaram os milhares de feirantes da tradicional Feira dos Santos, que tem como cartão de visita os produtos regionais.


Durante quatro dias, as ruas da cidade foram o palco para a realização da maior Feira de Rua do Norte de Portugal. A Feira dos Santos continua a ser o grande acontecimento socioeconómico e cultural da região de Trás-os-Montes e Alto Douro, que traz ao concelho flaviense cerca de 400 mil visitantes de todo o país, mas também da vizinha Espanha, para as compras de inverno.

A sessão solene de abertura desta edição contou com a presença da secretária de Estado da Valorização do Interior, Isabel Ferreira, que destacou a necessidade de afirmação dos territórios para valorização do interior, através da riqueza de recursos partilhados, sendo este evento um bom exemplo.

De caráter popular, o certame contemplou a comercialização de todo o tipo de produtos, exposições e concursos de pecuária. Do programa também fez parte muita animação de rua, arruadas, festival de folclore, dança, teatro e espetáculos musicais para todos os gostos.

A edição deste ano contou com 550 expositores, sendo para a organização “fundamental que esta feira evolua sem perder as suas características tradicionais.”

Acolheu ainda uma Mostra do Alto Tâmega, onde estiveram representados os seis municípios do Alto Tâmega, com exposições promocionais, numa iniciativa que pretende aprofundar os laços de trabalho e cooperação para divulgação do território.

A Feira dos Santos é organizada pela ACISAT, Associação Empresarial e município.
 

Comentários