DR

PSD

Conselho Nacional aprova diretas em 11 de janeiro e afasta proposta para que todos militantes votem

O Conselho Nacional do PSD aprovou a marcação de eleições diretas para 11 de janeiro e congresso entre 07 e 09 de fevereiro, com a Mesa a recusar apreciar uma proposta para abrir a votação a todos os militantes.


Segundo fonte oficial do PSD, a proposta da secretaria-geral de regulamento para as eleições diretas do presidente da Comissão Política Nacional (CPN) e do 38.º Congresso foi aprovada com 58 votos a favor, dez abstenções e seis contra.

Pelo caminho ficou a proposta apresentada pelo presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques, de alteração ao regulamento para que todos os militantes pudessem votar independentemente do pagamento de quotas.

 

Se já é assinante faça aqui o seu login       ou       Clique aqui para ver OS EXCLUSIVOS da VTM

ASSINE AGORA A VOZ DE TRÁS OS MONTES

Acesso exclusivo e ilimitado
à edição digital
(site + e-paper)

Comentários