Aqruivo/VTM

Pulseira eletrónica por violência doméstica

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vitimas Especificas (NIAVE), deteve esta quarta-feira um homem de 30 anos por violência doméstica, em Mirandela.


No âmbito de uma investigação relacionada com violência doméstica, os militares apuraram que o suspeito dirigia injúrias e maus tratos psicológicos à companheira, de 25 anos, chegando a ameaçá-la de morte, pelo que foi cumprido um mandado de detenção.

O detido, com antecedentes criminais pelo tráfico e consumo de estupefacientes, foi presente no Tribunal Judicial de Mirandela, tendo ficado sujeito às medidas de coação de proibição de contacto com a companheira e afastamento, controlado por meio de pulseira eletrónica.

Comentários