DR

Gestão florestal dos baldios

Ontem, dia 30 de janeiro, o presidente da Associação Florestal de Portugal, Luís Braga da Cruz, visitou as instalações da empresa Sonae Arouco, em Mangualde.


Acompanhado do Vice-Presidente da Câmara Municipal, Luís Ferreira, e do engenheiro, Artur Mota, da Associação Florestal de Ribeira de Pena, debateu a importância da constituição de um agrupamento de baldios que “pode representar uma significativa melhoria da gestão e da rentabilidade das áreas baldias do concelho de Ribeira de Pena.”

“A capacidade de aplicar uma economia de escala à enorme mancha de pinheiro-bravo do concelho, através de uma produção sustentável que lhe acrescenta valor, abre as portas para novos mercados que valorizam a certificação florestal.”, continua.

Dado o afastamento do ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas em relação ao território e à falta de recursos técnicos das Juntas de Freguesia, a constituição de um agrupamento de baldios no concelho de Ribeira de Pena assume-se como uma prioridade para que seja possível efetuar uma gestão dos baldios adequada, com benefícios para a economia local e para as comunidades.

Comentários