Arquivo/VTM

Feira Transfronteiriça de Artes e Ofícios foi cancelada

O município de Freixo de Espada à Cinta anunciou hoje o cancelamento da Feira Transfronteiriça Artes e Ofícios integrada nas festividades da Amendoeira em Flor, que contava com 70 expositores inscritos, do país e de Espanha.


"Atendendo a uma maior exposição enquanto concelho raiano, entendemos suspender a realização da Feira Transfronteiriça Artes e Ofícios, dada a permeabilidade da fronteira com Espanha e acatando, igualmente, as medidas restritivas anunciadas pelo Governo", disse à Lusa a presidente da Câmara de Freixo de Espada à Cinta, Maria do Céu Quintas.

O certame estava previsto abrir ao público no sábado.

Outras das ações restritivas foi o cancelamento da feira mensal que atrai pequenos produtores agrícolas daquele concelho e que se realiza no segundo sábado de cada mês.

O município de Freixo de Espada à Cinta dada a proximidade com Espanha, adianta "que a maioria os visitantes, que nesta altura do ano de deslocam este concelho do Douro Superior são provenientes do país vizinho".

"Considerando as medidas restritivas anunciadas pelo Governo, bem como o reforço de recomendações impulsionadas pela Diretora Geral da Saúde e, pese embora, até à presente data, não existirem casos confirmados no concelho de Freixo de Espada à Cinta, a Câmara Municipal decidiu, dada a progressão epidemiológica do novo Coronavírus (COVID-19) no território nacional", indica aquele município trasmontano.

"Apesar de uma compreensível ansiedade generalizada pelo avolumar de notícias, o evento não sofreu, desistências de expositores que, por si só, pudessem colocar em risco a sua não concretização", vincou aquele município do distrito de Bragança, em comunicado.

Comentários