Aproveite a quarentena a para aprender mais sobre tecnologia

Portugal está em estado de emergência. A ordem é para ficar em casa. Com tanto tempo livre aproveite para fazer um upgrade nas suas competências tecnológicas


Com a imposição de isolamento social, devido ao surto de Covid-19, começam a faltar ideias para preencher o tempo passado em casa. Nesse sentido, a Ironhack, escola líder de formação em tecnologia, está a desafiar os portugueses a desenvolverem as suas competências tecnológicas durante a quarentena.

“Todas as semanas, até a quarentena acabar, a Ironhack vai disponibilizar webinars gratuitos com conteúdos de introdução às áreas de foco dos seus cursos: Web Development, Data Analytics e UX/UI Design”.

A iniciativa já arrancou e os interessados devem inscrever-se, para cada sessão, através da plataforma Meetup e ter, à sua disposição “um computador e boa ligação à internet”, além da “vontade de aprender”.

 

 

 

 

 

 

“Vivemos tempos de incerteza, nos quais é importante poder contar com a comunidade. Através desta iniciativa, que tem um cariz global, queremos unir as pessoas em torno da tecnologia, pondo o nosso conhecimento à disposição”, começa por explicar Carmen Ortega, Growth Manager da Ironhack Lisboa. “Ter de ficar fechado dentro de quatro paredes dia após dia pode tornar-se exasperante. Em vez de fazer binge-watch de séries ou percorrer o feed das redes sociais para queimar tempo, por que não aproveitar para aprender algo novo a partir do conforto do lar? Estes webinars são, por isso, válidos tanto para quem viu a sua atividade suspensa e não tem ocupação, como para quem está a trabalhar ou a ter aulas remotamente e sente falta de um outro estímulo. Quem sabe se não pode vir a ser o primeiro passo rumo a uma mudança de carreira”, finaliza.

Com estas aulas à distância, a Ironhack está a seguir as recomendações das autoridades de saúde e entidades governamentais, “garantindo assim a segurança de todos. Assim que possível, será retomado o formato presencial”.

A Ironhack já formou mais de 150 pessoas em Portugal, só no último ano, e a taxa de alunos que conseguiram trabalho até três meses depois da conclusão do curso “ronda os 90%”.

Os cursos têm uma duração de seis ou 24 semanas e têm um custo de 6.500€ e 7.500€, respetivamente.

Para mais informação visite:

www.ironhack.com

Aplicações para trabalhar e para juntar a família

O novo coronavírus tem obrigado milhões de pessoas a trabalhar a partir de casa. Felizmente, na internet existem muitos serviços que ajudam os utilizadores a conseguir trabalhar sem grandes dificuldades.

De acordo com a Pplware, uma página de internet sobre tecnologia, um dos melhores serviços para realizar videoconferências chama-se jitsi. Trata-se de uma plataforma gratuita, que permite juntar até 50 pessoas na mesma chamada. Está disponível para computador ou smartphone e não é preciso efetuar qualquer registo para ter acesso, além de que permite, entre outras coisas, gravar as chamadas e fazer streaming direto para o Youtube.

O COVID-19 está a obrigar a sociedade a mudar. A quarentena obriga a encontrar soluções para passar o tempo e também socializar. No campo digital, além das tradicionais redes sociais, destaque para a Houseparty, uma nova rede social. Como o próprio nome indica, esta é uma aplicação criada para usar em casa e contactar com os amigos ou familiares. Na prática, é possível fazer uma videochamada para várias pessoas e criar um autêntico salão de festas. A Houseparty disponibiliza vários filtros e jogos para fazer “em rede”.