Arquivo/VTM

Vimioso isenta de pagamento rendas da habituação social e espaços municipais

O município de Vimioso anunciou hoje um novo pacote de medidas para atenuar os efeitos económicos nas famílias do concelho provocados pela pandemia da covid-19, onde se destaca a isenção do pagamento de rendas na habitação social.


"Atendendo à gravidade da situação pandémica provocada pela covid-19, decidimos adotar um novo pacotes de medidas, tendo em vista apoiar as famílias mais vulneráveis do concelho, a começar pela isenção do pagamento das rendas das habitações sociais e outros espaços propriedade do município ", explicou à Lusa o presidente da Câmara de Vimioso, Jorge Fidalgo.

Esta medida vai abranger cerca de 35 famílias do concelho de Vimioso, no distrito de Bragança, e com esta isenção o município deixa de arrecadar cerca de 2.500 euros por mês.

"A medida estará em vigor até finais do mês de junho. Estas famílias estão muito dependentes do trabalho sazonal e nesta altura praticamente não há trabalho", vincou o autarca trasmontano.

Os feirantes que participam nas feiras bimensais do concelho também estarão isentos de qualquer pagamento e os juros de mora ao município não serão cobrados neste período.

A câmara já havia determinado outras medidas como a isenção do pagamento de água e saneamento às Intuições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e reduzir para metade o pagamento deste bem para todos os munícipes e comércio em geral.

 

Comentários