Arquivo VTM

GRUPO DESPORTIVO E CULTURAL DE SALTO

Continuidade depende das entidades locais

A equipa de futebol do GDC Salto estava no fundo da tabela classificativa da Divisão de Honra da AFVR quando a pandemia invadiu o país e a Federação Portuguesa de Futebol decidiu terminar as competições não profissionais. A nível financeiro, o clube barrosão não foi afetado porque “não tem pessoas remuneradas”.


Jorge Carvalho dirige o clube há cinco anos, sendo que no primeiro esteve como presidente da comissão administrativa, mas o futuro, diz, vai depender das entidades locais. “A direção atual está em fim de mandato. Não sabemos se vai haver continuidade porque estamos à espera de alguns compromissos das entidades locais”, referiu. 

O dirigente diz que a Câmara Municipal de Montalegre e a Junta de Freguesia de Salto vã

 

Se já é assinante faça aqui o seu login       ou       Clique aqui para ver OS EXCLUSIVOS da VTM

ASSINE AGORA A VOZ DE TRÁS OS MONTES

Acesso exclusivo e ilimitado
à edição digital
(site + e-paper)

Comentários