CMT

Pelourinho regressa ao centro histórico

O Pelourinho de Tarouca foi hoje retirado do local estava, apresentando bom estado de conservação.


Depois de várias diligências por parte do presidente da câmara junto da família Lobo foi possível chegar a um acordo e agora será possível devolver o Pelourinho de Tarouca ao domínio público, sem em algum momento colocar em causa a estrutura da casa onde se encontrava.

“Hoje é um dia histórico para a cidade de Tarouca. Cumpre-me agradecer publicamente à família Lobo, em nome de todo o executivo, pela compreensão e inteira disponibilidade demonstrada", afirmou o presidente da autarquia, Valdemar Pereira.

O pelourinho é um símbolo do poder local, tendo sido ergudo, provavelmente, na vigência do 1º Conde de Tarouca, D. João de Menezes, que foi Mordomo-Mor de El Rei D. Manuel I no século XV.

Este elemento histórico é carregado de enorme simbolismo e importância para todos os tarouquenses e durante muitos anos tentou-se a sua deslocalização, sendo grande o desejo de ver este monumento no seu local originário.

Brevemente terão incício as obras para colocar, novamente, o Pelourinho de Tarouca no centro histórico da cidade.

Comentários