Arquivo/VTM

Montalegre lança plataforma ‘online’ para venda de fumeiro

A plataforma será lançada em janeiro como forma de chegar a novos mercados e permitir vender os produtos para além da feira do fumeiro.


Montalegre lança em janeiro uma plataforma para venda ‘online’ do fumeiro local. O anúncio foi feito pela autarquia, esta quinta-feira, dia em que teve lugar, no pavilhão multiusos, uma reunião com os produtores que, habitualmente, participam na feira do fumeiro.

O objetivo da plataforma é, segundo David Teixeira, vice-presidente da câmara de Montalegre, "ver nesta pandemia [de Covid-19] uma oportunidade para criar um negócio que vai durar muito mais do que quatro dias”.

A plataforma ‘online’ “Fumeiro de Montalegre” vai entrar em funcionamento em janeiro e foi apresentada hoje. David Teixeira disse que são precisas novas formas de “chegar aos consumidores” e considerou que será uma  “tragédia económica para as famílias” se o fumeiro não se vender.

A plataforma “Fumeiro de Montalegre” surge de uma parceria com a Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã e o município e quer ajudar a “conquistar novos mercados”.

Ainda sem data marcada, para não coincidir com o dia das eleições presidenciais, David Teixeira referiu que está a ser preparado um certame com moldes muito diferentes.

Recorde-se que na última edição da Feira do Fumeiro de Montalegre, realizada em janeiro, foram comercializadas cerca de 50 toneladas de fumeiro, com um volume de negócios na ordem dos três milhões de euros. Para o próximo ano, o autarca prevê uma quebra no produto vendido para as “25 a 30 toneladas”.

 

Comentários