DR

Morreu o treinador Vítor Oliveira

Morreu o treinador Vítor Oliveira, de 67 anos, que subiu o GD de Chaves à I Liga, na época 2015/16.


Hoje de manhã, Vítor Oliveira acabou por falecer depois de se sentir indisposto enquanto caminhava na zona de Matosinhos. Ainda foi assistido no local e transportado para o Hospital Pedro Hispano, mas acabou por não resistir.

Era um treinador de reconhecido mérito, tendo conseguido subir por 11 vezes equipas da segunda divisão para a I Liga.

O último clube que treinou foi o Gil Vicente, já na primeira Liga. Decidiu fazer uma pausa na sua carreira e agora fazia comentários de jogos de futebol, na TVI.

Entre 1978 e 2020, Vítor Oliveira comandou Famalicão, Portimonense, Maia, Paços de Ferreira, Gil Vicente, Vitória de Guimarães, Académica, União de Leiria, Sporting de Braga, Belenenses, Rio Ave, Moreirense, Leixões, Trofense, Desportivo das Aves, Arouca, União da Madeira, Desportivo de Chaves e Paços de Ferreira.

Natural de Matosinhos, Vítor Oliveira representou Leixões, Paredes, Famalicão, Sporting de Espinho, Sporting de Braga e Portimonense como futebolista, tendo ficado conhecido como o ‘rei das subidas’, já como treinador, ao festejar 11 promoções em 18 presenças na II Liga.

O Grupo Desportivo de Chaves e a respetiva SAD já manifestam o seu profundo pesar pela morte inesperada do mister Vitor Oliveira, deixando "um abraço de conforto à família e aos amigos do Vitor Oliveira".

Comentários