DR

Lar São João de Deus regista cinco mortes e 87 infetados

O número de mortes associadas à covid-19 no Lar São João de Deus, da Misericórdia de Mogadouro, subiu hoje para cinco e, entre utentes e funcionários, há agora 87 infetados, disse à Lusa o provedor da instituição.


"Temos a lamentar o quinto óbito na instituição. Trata-se de uma mulher com 92 anos. Registamos, também, após uma segunda testagem, um aumento para 87 do [número de] casos de infeção pelo novo coronavírus, entre os utentes e funcionários", disse João Henriques.

Atualmente, no Lar São João de Deus, no distrito de Bragança, há 61 utentes e 26 funcionários infetados com o vírus SARS-CoV-2, que provoca a doença covid-19, após uma segunda testagem efetuada na segunda-feira, onde foram realizados testes a mais 68 pessoas, das quais 35 eram utentes e 33 funcionários.

Segundo João Henriques, há atualmente três utentes hospitalizados e todos os outros "estão assintomáticos ou com sintomas ligeiros".

O primeiro caso de infeção na Estrutura Residencial São João de Deus, que conta com 84 utentes e 64 funcionários, surgiu no início do ano.

O provedor disse ainda que nas outras valências da Misericórdia já foram vacinados 85 utentes e 70 funcionários.

Segundo o último boletim epidemiológico emitido na terça-feira pela Unidade Local de Saúde do Nordeste, a que a Lusa teve acesso, o concelho de Mogadouro tem 132 casos ativos de covid-19.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.140.687 mortos resultantes de mais de 99,6 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.012 pessoas dos 653.878 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

 

Comentários