DR

Pagamento da água e rendas municipais suspenso

A autarquia de Alfândega da Fé decidiu isentar os comerciantes que, devido à pandemia, foram forçados a encerrar, do pagamento da água e da renda àqueles que se encontrem em espaços municipais.


O despacho, publicado no site oficial do município, revela que a medida “será aplicada nos meses de janeiro e fevereiro, relativamente à água”. No mês de fevereiro, o presidente da autarquia alfandeguense informou que aqueles que têm negócios em espaços alugados pelo município, estarão isentos do pagamento da renda no mês de fevereiro.

Para evitar a movimentação de pessoas e deslocações à câmara municipal, a autarquia decidiu também alargar o prazo para pagamento de água e rendas de habitações municipais já vencidas.

As faturas destes serviços podem agora ser pagas até 28 de fevereiro, salvo aquelas que são liquidadas por transferência bancária e que mantêm os prazos.

Quem não quiser beneficiar do alargamento do prazo e pretender liquidar as contas presencialmente, os serviços municipais continuam a funcionar, mas o atendimento está sujeito a marcação prévia, como alertou a autarquia.

Comentários