Segunda-feira, 2 de Agosto de 2021

Praia Fluvial do Rabaçal recebeu comemoração

No dia em que a juventude foi celebrada a nível internacional, em Valpaços, a associação EU+TU=MUITOS esteve na praia fluvial do Rabaçal numa ação de sensibilização.

-PUB-

O Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), em parceria com o Conselho Nacional de Juventude (CNJ), com a Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ) e a EU+TU=MUITOS, associação Socio Educativa e Recreativa, promoveram sinergias e, em parceria com a câmara municipal de Valpaços, desenvolveram a iniciativa de âmbito nacional comemorativa do Dia Internacional da Juventude, assinalado a 12 de Agosto.

A ação, respeitando as regras impostas pela Direção Geral da Saúde, levou para a rua grupos de dez elementos, espalhados por 35 praias, duas por distrito. No caso de Valpaços, a ação decorreu na Praia do Rabaçal e contou com a presença de voluntários que auscultaram os jovens através do questionário “Compromisso Verde da juventude”, proporcionado pela leitura de um QR code através do telemóvel e ainda com a oferta de várias lembranças alusivas ao dia comemorativo.

2020 é o ano marcado pelos 75 anos da Carta das Nações Unidas, tendo em conta que a comunidade internacional tem exatamente uma década para atingir os objetivos de desenvolvimento sustentável. Assim, a Organização das Nações Unidas estabeleceu como tema para este Dia Internacional da Juventude o “Compromisso Jovem para a Ação Global”.

Recorde-se que, em 1999, através da Resolução 54/120, a Assembleia Geral das Nações Unidas endossou a recomendação feita pela Conferência Mundial de Ministros Responsáveis pela Juventude, (que teve lugar em Lisboa, entre 8 e 12 de agosto de 1998) de que 12 de agosto fosse declarado como o Dia Internacional da Juventude.

 

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.