Sábado, 19 de Junho de 2021

Presidente reivindica 2,5% dos recursos que saem da região

O presidente da câmara de Vila Pouca de Aguiar, Alberto Machado, aproveitou a visita às Pedras Salgadas da Comissão Parlamentar da Assembleia da República para reivindicar uma parte dos recursos que são explorados na região.

-PUB-

Dando como exemplo o setor das eólicas, o autarca “reivindicou 2,5 por cento dos recursos” que saem da região, que “seriam relevantes para o desenvolvimento da comunidade local”.

A comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas veio ao local para fazer uma avaliação sobre os compromissos assumidos no Projeto de Interesse Nacional (PIN) no que concerne à requalificação do parque termal.

Em declarações à VTM, Alberto Machado, diz que “ficou surpreendido” com a posição da empresa concessionária, agora denominada Super Bock Group, que disse em reunião com os deputados que “tinha cumprido tudo aquilo com que se comprometeu”.

“Ouvi, de forma clara e inequívoca, que a Unicer não pensava fazer investimentos na parte turística em Pedras Salgadas”, revela

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.