Sábado, 19 de Junho de 2021

Rafa desequilibrou em bolas paradas

Muito bem posicionados, os jogadores visitantes tomaram cedo as rédeas do jogo, não dando espaços aos vidaguenses que atuaram com muito pulmão, muita raça, mas sem conseguirem colocar em perigo o reduto defensivo barrosão onde se salientou Opara, como central de grande nível.

-PUB-

FUTEBOL AFVR DIVISÃO DE HONRA

Cedo os homens de Toni mostraram ao que vinham, atuando concentradíssimos e usando um coletivo invejável. Rafa, exímio em lances de bola parada (foi assim que marcou dois golos) abriu o ativo cedo e o golo da confirmação (um oportuno e subtil golpe de cabeça de Abreu) deu tranquilidade ao Vilar de Perdizes para a segunda parte.

Ainda que melhorando a sua produção e reduzindo a desvantagem aos 58 minutos, na verdade nunca Jonathan teve necessidade de se aplicar muito já que houve intranquilidade e falta de eficácia nos locais cuja prestação deve ser, no entanto, salientada pelo esforço que desenvolveram e pelo permanente desejo de fazer mudar as coisas.

Mas, realisticamente,

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.