Segunda-feira, 20 de Setembro de 2021

Terraço com vista para o Douro é a nova aposta da Quinta das Carvalhas

Situada em Ervedosa do Douro, a Quinta das Carvalhas é a mais emblemática propriedade da Real Companhia Velha e ponto de partida para a descoberta de uma região que é Património da Humanidade pela UNESCO

-PUB-

A VTM acompanhou o início de um novo capítulo desta quinta, a reabertura do enoturismo, que este ano tem como grande aposta um terraço com vista para o rio Douro.

“A abertura desta esplanada é o início de um novo capítulo para a Quinta das Carvalhas”, explicou Pedro Silva Reis, presidente da Real Companhia Velha (RCV), empresa de vinhos detentora da quinta, acrescentando que “numa situação normal já teríamos aberto este espaço e todas as atividades na Páscoa, mas tivemos de esperar”.

Este espaço “é um complemento da loja que temos. Estando bom tempo, as provas de vinhos, por exemplo, podem ser feitas aqui”. Segundo Pedro Silva Reis, “temos isto pronto há um ano, mas faltava mão-de-obra. Agora, faltam os clientes”.

“ESTE É UM ANO PERDIDO”

A pandemia de Covid-19 colocou o país e o mundo em suspenso. Todos os setores económicos foram afetados e o do turismo não foi exceção.

“A partir do momento em que os restaurantes fecharam, as vendas caíram” disse o presidente da RCV, lembrando que “também o enoturismo tem um peso enorme na rentabilidade do negócio e agora resta esperar. Penso que o pior já passou, mas os próximos meses serão difíceis até conseguirmos voltar a uma normalidade plena”.

Por aqui passam,

Artigo exclusivo PREMIUM

Tenha acesso ilimitado a todos os conteúdos do site e à edição semanal em formato digital.

Se já é PREMIUM,
Aceda à sua conta em

-PUB-

APOIE O NOSSO TRABALHO.
APOIE O JORNALISMO DE PROXIMIDADE.

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo regional e de proximidade. O acesso à maioria das notícias da VTM (ainda) é livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta A Voz de Trás-os-Montes e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente e de proximidade, mas não só. É continuar a informar apesar de todas as contingências do confinamento, sem termos parado um único dia.

Contribua com um donativo!

Mais lidas

ÚLTIMAS

Subscreva a newsletter

Para estar atualizado(a) com as notícias mais relevantes da região.